Se eu pudesse descrever em palavras o amor que sinto pela vida, eu diria, mas o que sinto está além das palavras, além das imagens, além muito além. Dentro de mim há um universo infinito, que se revela quando estou em movimento, por isso danço por isso eu atuo !
Eu sou aquela mulher que fez a escalada da montanha da vida, removendo pedras e plantando flores.

Pesquisar este blog

Seguidores

quinta-feira, 26 de maio de 2011

A música cigana húngara

Antes de começar esta descrição, temos que acentuar que a real música cigana na Hungria não tem nenhum violino, cymbalum ou de fato, qualquer instrumento. Violões e bandolins que foram acrescentados no 19º século. Esta música está baseada em percussões e na voz. É provida pela voz humana e através de latas de leite (!) ou colheres e pandeiros. Um cantor normalmente canta a balada, enquanto os outros cantam baixos e percussões. Esta música é na realidade mais íntima ao Kelderash e Lovara , e saiba que pode ser encontrada fora da Europa.
Além desta música autêntica, outro estilo evoluiu, principalmente tocado por ciganos da Transilvânia. Este estilo, a música de restaurante denominada, é o que é melhor conhecido no oeste. É uma mistura de baladas populares húngaras, Transilvânias com muita influencia do toque vienense. Temos que levar em conta que nãoé cigana,mas é muito tocada pelos ciganos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário